quinta-feira, 14 de abril de 2011

Japão: um país que está sempre pronto para recomeçar!

Eis que daqui brota a verdadeira "força terrena"
Tsunamis, terremotos, bombas atômicas,... acontecimentos catastróficos que teimam em se fazer presentes na vida dos japoneses, roubando vidas, destruindo e mudando histórias. Desde o dia 11 de março deste ano, a vida de boa parte dos japoneses (que habitam/habitavam o nordeste do arquipélago) não é mais a mesma, quando o país foi sofreu com o abalo sísmico de magnitude 8,9 na escala Richter, sendo considerado o 7° mais forte da história já registrado. Um abalo sísmico por si só já é algo desesperador, agora imagine isso... na magnitude que atingiu... seguido de um tsunami! Desesperador? Ou o próprio apocalipse? Questões que neste momento não tem tanta relevância quanto o que provavelmente tenha influenciado nesse processo de fenômenos naturais, isso porque o homem tem modificado tanto o meio em que vive, provocando reações não muito satisfatórias da "mãe natureza".
Um verdadeiro trabalho de equipe
No caso do Japão a reação vitimou mais de 28 mil vítimas entre mortos, feridos e desaparecidos, além de ter causado sérias avarias no sistema de resfriamento dos reatores da Usina Nuclear de Fukushima. O que causa espanto é o fato de que desde o dia 11 de março o país do Sol Nascente já foi atingido por mais de mil terremotos superiores a escala Richter de 4,5 pontos. Dessa forma podemos perceber que a nação nipônica não teve como respirar aliviada até o momento, contudo são em momentos como esses que percebemos o equilíbrio de um povo que pensa e age como uma verdadeira equipe, lembrando assim a história dos gansos que sempre voam na formação "V".
Formação em "V" - É assim que as verdadeiras Equipes funcionam

Vamos relembrá-la:

Quando um ganso bate as asas cria um vácuo para o pássaro seguinte. Voando na formação em “V”, o bando inteiro tem o seu desempenho 71% melhor do que se cada um voasse sozinho.
Lição: As pessoas que dividem uma direção em comum e têm senso de comunidade chegam mais rápido e mais facilmente a seu destino, porque estão viajando baseadas na confiança.

Sempre que um ganso sai da formação sente, imediatamente, a resistência por tentar voar sozinho e, rapidamente, volta para a formação, aproveitando o vácuo deixado pela ave imediatamente à sua frente.
Lição: Se tivermos sensibilidade e bom-senso, permaneceremos alinhados e unidos com aqueles que buscam o mesmo objetivo, e nos disporemos a aceitar a sua ajuda, assim como prestar a nossa ajuda quando necessário. A força, o poder e a segurança aumentam quando seguimos na mesma direção daqueles com quem dividimos um objetivo em comum. As metas serão alcançadas mais fácil e rapidamente.

Quando o ganso líder se cansa, muda para trás na formação e, imediatamente, um outro ganso assume o lugar, voando para a posição da ponta.
Lição: Todos devem apoiar nas tarefas mais pesadas e compartilhar a liderança. Compartilhar e combinar dons, talentos e recursos. Não é preciso ser “chefe” para ser líder. O verdadeiro líder se conhece pelas suas atitudes. As pessoas, assim como os gansos, são dependentes umas das outras.

Os gansos de trás grasnam para encorajar os da frente, e aumentar a velocidade.
Lição: Quando há encorajamento o progresso é maior. Todos precisam ser encorajados com elogios e palavras de ânimo, inclusive o líder.

Finalmente, quando um ganso adoece ou está ferido, e cai, dois gansos saem da formação e o seguem, para ajudá-lo e protegê-lo. Eles ficam com ele até que seja capaz de voar novamente, e depois começam uma nova formação ou partem em busca de seu grupo.
Lição: Numa equipe, todos podem passar por dificuldades e precisarão apoiar-se mutuamente. 
União!
Então, perceberam a semelhança entre os gansos e o trabalho "em equipe" dos japoneses? Eles, sim, constituem uma verdadeira equipe, não sei se a vida imita a arte ou a arte imita a vida... mas a nação japonesa em si, lembra muitos os SUPER SENTAI no trabalho em equipe. Para perceberem o que eu estou querendo dizer nesse momento confiram aos dois vídeos a seguir:

Vídeo 01:
Grupo Smap e Tortoise Matsumoto, artistas Pop japoneses:
Acredite na Força do Japão (AC Japan Smap X Tortoise Matsumoto)

Vídeo 02:
Jogadores da Seleção Japonesa que jogam na Europa: Okazaki, Nagatomo e Uchida.
AC Shin CM Okazaki - Nagatomo - Uchida


Equipe envolvida no projeto:

Raw: Gustavaum
Tradução: Ryuunoshin
Revisão JP: Buri Buri Zaemon
Revisão PT: Tatisatsu (Blog Tatisatsu)

Saiba mais acessando RYUUNODAN
Página Seguinte » « Página Anterior Página inicial

5 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Tati sinceramente muito obrigado pela ajuda com a revisão, com a divulgação dos videos e com a sua atenção em fazer uma postagem também, que ficou superior a minha e com mais valor filosifico, faltou apenas puxar a orelha do povo. srsrs
    Mas no mais esta muito bom.

    ResponderExcluir
  3. ^_^ Valeu, Ryuu!!! Parceria é um completar o outro... por isso acredito que sua postagem completa a minha e vice-versa! E precisando... pode contar comigo! Abraços!

    ResponderExcluir
  4. Realmente eu não tinha visto o Japão por esse angulo, concordo plenamente, após essa comparação, que os japoneses parecem mesmo uma equipe Super sentai e mais ainda, perfeita a colocação, "Eis que daqui brota a verdadeira Força Terrena", isso foi perfeito e emocionou Tati, parabéns pela matéria minha amiga, está realmente sensacional e mostra o que deveria mostrar, ou seja, enaltece a tenacidade, garra e determinação do povo japonês em se recobrar desses tipos de catástrofes naturais, parabéns Tati!!

    ResponderExcluir
  5. Admiro nossos irmãos japoneses, mas assim como são mostrados nos seus tokusatsus, eles conseguirão tirar das dificuldades, a força para se reerguer!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário! Sua opinião é muito importante! Compartilhe conosco suas ideias! O Blog Tatisatsu agradece...